A Receita Federal do Brasil com uma grande inteligencia por trás do seu levantamento de dados, comparando informações ja inclusas no seu banco de dados com 
Os novos a serem inclusos, como por exemplo, DIRF, DCTF, DIMED, DIMOB, etc, tirando assim uma bitolagem que todos têm que elaborar uma DIRPF ou qualquer outra 
Declaração da Receita é uma tarefa fácil.
Com toda tecnologia existente hoje, como por exemplo, a Nota Fiscal Eletronica, cujo seu processamento ja informa a RFB todos os dados do comprador como 
CPF/CNPJ, valores e gastos, exitindo tambem o cruzamento da movimentação bancária.
Por isso e outros itens não inclusos aqui, todo cuidado com a sua DIRPF é pouco.
Autor: Paulo R. B. Góis

Anúncios